Carrinho

  • Nenhum produto no carrinho.

Institucional

História e Carisma da Congregação

A Congregação, também conhecida popularmente como Missionários Redentoristas, foi fundada por Santo Afonso Maria de Ligório, em 9 de novembro de 1732, na cidade de Scala, na Itália. Devido a sua grande devoção a Jesus Crucificado e Ressuscitado, Santo Afonso reuniu vários sacerdotes e alguns leigos numa comunidade, com a finalidade de pregar a redenção de Jesus Cristo. Pregação feita principalmente aos mais pobres e esquecidos da sociedade.

Os Redentoristas continuam o exemplo do Redentor, “pregando a Boa Nova aos mais abandonados”. A evangelização dos pobres está no próprio coração da vida e da espiritualidade redentorista, que é essencialmente missionária.

Missão Redentorista

Os Missionários Redentoristas, a fim de vivenciar sua vocação primordial, realizam diversas missões e entre elas destacamos algumas: as missões populares; os santuários e as paróquias como verdadeiras obras missionárias; os diversos meios de comunicação social (Rádio, Televisão e Editora, dentre as quais se encontra a Scala Editora); a difusão da devoção à Nossa Senhora do Perpétuo Socorro; o aprofundamento na Teologia moral (que também exige, por tradição redentorista, que seus membros se preparem para ser bons confessores e diretores espirituais acessíveis); e as missões Ad gentes.

Redentoristas no Brasil e em Goiás

A Congregação chegou ao Brasil por meio dos Missionários Redentoristas holandeses no ano de 1893, e em abril de 1894 foi fundada a primeira comunidade em Juiz de Fora – MG. Poucos meses depois, vieram os Redentoristas da Baviera (Alemanha), dando início à missão em São Paulo, começando o seu trabalho em Aparecida – SP, e em Goiás.

No dia 9 de dezembro de 1994, completando 100 anos da presença Redentorista em Goiás, deu-se a criação da Província nestas terras do Brasil Central. A Província de Goiás, com o mesmo espírito daqueles que deixaram a Alemanha em 1894, para iniciar a missão no Brasil Central, atua com ardor nas frentes missionárias de hoje: romeiros do Pai Eterno, de Trindade e de todo o Brasil; devotos da Mãe do Perpétuo Socorro no Santuário de Campinas, Goiânia-GO; presença junto ao povo de Deus nas prelazias de São Félix, Cristalândia, e nas dioceses de Coari, Ipameri, Barra do Garças e Jataí, na Arquidiocese de Goiânia e Brasília; evangelização pelas ondas de rádio e televisão; internet; livros e jornais; e pregação dos retiros e orientação pessoal.

Conheça mais:
www.redentorista.com.br